Yamaha lidera MX1, MX2 e Elite MX após 3ª etapa do Brasileiro de Motocross 2019

Os pilotos da Yamaha Monster Energy Geração lideram o Brasileiro de Motocross 2019 após a realização da 3ª etapa, que aconteceu em Três Lagoas, Mato Grosso do Sul, neste fim de semana, 1 e 2 de junho.

Carlos Campano assumiu a dianteira da MX1 e da classe promocional Elite MX com vitória na primeira bateria e segundo lugar na prova final.

Paulo Alberto viveu um grande domingo ao conquistar o segundo lugar na bateria da MX1 e a vitória na promocional Elite MX, subindo no topo do pódio de ambas.

E Fabio Santos manteve a liderança da MX2 após vencer sua bateria de ponta a ponta e ser o melhor de moto 250 na Elite MX.

A nota triste do domingo foi o acidente de Tallys Nathan. O piloto se recupera de fraturas na face e no braço, ainda no hospital de Três Lagoas. Confira a nota completa abaixo.

Confira os resultados e os comentários dos pilotos.

A 4ª etapa será nos dias 22 e 23 de junho, em Fama, Minas Gerais.

 

Carlos Campano #1

Moto YZ450F

2º na categoria MX1
2º na categoria Elite MX

“Me senti muito confortável na pista. Larguei na frente na primeira bateria e pude fazer meu próprio ritmo. Na segunda, larguei mal e tive que fazer várias ultrapassagens, o que era bem difícil nesta pista. Acabei em segundo na soma geral, mas com a mesma pontuação do Paulo (Alberto), que andou muito bem nesta etapa e merece os parabéns. Fabinho também foi muito bem e estamos todos de parabéns. Só lamento a queda do Tallys (Nathan) e mando boas melhoras a ele. Logo estará acelerando com a gente de novo. Estamos com você, Tallys!”

Paulo Alberto #211

Moto YZ450F

1º na categoria MX1
1º na categoria Elite MX

“É a minha primeira vitória no Brasileiro de Motocross pela Yamaha Monster Energy Geração e isso foi muito bom para o meu psicológico, para provar a mim mesmo que estou bem fisicamente e posso crescer no campeonato. Na primeira bateria, larguei mal mas consegui me recuperar bem apesar do calor e das dificuldades da pista. E na segunda, consegui uma largada muito boa e liderei até o fim. Estava muito calor e o desgaste foi grande. Vamos focar nas próximas que ainda temos bastantes corridas pelo campeonato.”

Fabio Santos #1

Moto YZ250F

1º na categoria MX2
4º na categoria Elite MX

“Foi um fim de semana de superação. Desde a etapa passada, há 15 dias, não consegui treinar com moto por causa das dores no joelho. Mas hoje consegui uma boa largada na bateria da MX2 e mantive o ritmo forte para abrir um pouco de vantagem. Senti um pouco de dores no joelho, mas consegui vencer mesmo em uma pista bastante difícil. Na Elite, larguei bem novamente, mas por volta dos 20min bati o pé no chão e senti muitas dores. Estava em terceiro, mas acabei deixando o Jetro passar porque não conseguiria brigar. Estou feliz com o resultado. Espero estar ainda melhor na próxima.”

Nota oficial sobre o acidente de Tallys Nathan #183

Moto YZ250F


Tallys Nathan, piloto da Yamaha Monster Energy Geração, sofreu um acidente neste domingo, 2 de junho, durante a terceira etapa do Brasileiro de Motocross 2019.

Com fraturas na face e no braço, o atleta de 18 anos foi levado ao Hospital Nossa Senhora Auxiliadora, da cidade de Três Lagoas, Mato Grosso do Sul, onde permanece internado para recuperação.

De acordo com o doutor Sergio Cestaro Grizende, conhecido como “Doutor Osso”, médico da Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM), Tallys Nathan está estável e fora de risco. Tórax e coluna estão ilesos.

“O Tallys Nathan recebeu todo atendimento necessário na pista, foi encaminhado ao hospital, e já passou pelo procedimento cirúrgico para limpeza do local da fratura exposta no antebraço. Aparentemente, também sofreu fraturas na face, quebrou o maxilar, mas está estável, sem grandes riscos, mas precisa ficar internado para observação e para os próximos procedimentos de recuperação dos traumas”, diz o ortopedista e traumatologista.

Em breve, serão divulgados boletins atualizados sobre a evolução da recuperação do atleta da Yamaha Racing Brasil.