Fabio Santos conquista tricampeonato da MX2 no Brasileiro de Motocross 2019

Fabinho é tricampeão na MX2. Foto: Tiago Lopes

Fabio Santos foi o grande nome do campeonato brasileiro de motocross na categoria MX2 em 2019. Neste domingo, 27, com sua YZ250F, o piloto da Yamaha Monster Energy Geração confirmou o tricampeonato (já havia vencido em 2016 e 2018) na corrida realizada em Belo Horizonte, Minas Gerais.

Fabinho chegou à final com vantagem de 29 pontos e garantiu o título após vencer a primeira bateria do dia. Ao longo do ano, em 12 corridas, o piloto ganhou 9. Com mais de 25 pontos sobrando, a equipe comemorou antes mesmo do evento terminar. Na segunda bateria, Fabinho sofreu uma forte queda, e por isso seu resultado na rodada é o quinto lugar.

Carlos Campano fechou a temporada com o vice-campeonato na MX1 e uma lesão na perna. Na segunda corrida do dia, o pentacampeão brasileiro bateu o pé muito forte e acabou sentindo a fortes dores, que o impossibilitou de brigar 100% até o final.

Paulo Alberto ficou com o vice na categoria promocional Elite MX. Em seu ano de estreia pela equipe Yamaha Monster Energy Geração, o português esteve sempre próximo do troféu e foi o piloto que mais ganhou baterias no ano, somando 4 no total contra 3 de Carlos Campano e 3 de Jetro Salazar.

Agora, Paulo volta suas atenções para a final do Arena Cross Brasil, que acontece durante o Salão 2 Rodas, nos dias 22 e 23 de novembro.

Avaliações

Fabio Santos #1
Categoria MX2

Estou muito feliz com o tricampeonato, com mais esta conquista com a Yamaha. O ano foi bem puxado, me lesionei várias vezes, machuquei o joelho já na primeira etapa, e agora na final estava com lesão no ombro e nas costas. Mas, graças a Deus consegui me superar e vencer pela terceira vez a MX2.

Carlos Campano #1
Categoria MX1

Foi uma disputa muito forte com Paulo, Jetro e Hector o ano inteiro, e quem ganhasse a última bateria iria ganhar o campeonato. Gostaria de dar os parabéns também ao Fabinho, que ganhou muito tranquilo a MX2, mesmo estando machucado em várias corridas. E o Paulo está liderando a Arena Cross e ainda vamos torcer muito para ele ganhar este título. Vamos aprender com os erros deste ano e voltar mais fortes em 2020.

Paulo Alberto #211
Categoria MX1

Em termos gerais, o ano foi produtivo, disputamos até o final, mas infelizmente esta corrida não aconteceu bem para mim. As largadas foram péssimas, e então tive que recuperar, e a pista era muito difícil ultrapassar. Enfim, demos o máximo e agora vamos focar no Arena Cross, que daqui a três semanas já tem a decisão.

Resultados da 7ª etapa
Brasileiro de Motocross 2019
Belo Horizonte, MG
27 de outubro

Resultado da MX1 / soma das baterias

1. Jetro Salazar / 50 pontos
2. Hector Assunção / 44 pontos
3. Paulo Alberto / 38 pontos
4. Carlos Campano / 38 pontos
5. Humberto Martin / 30 pontos

Resultado da MX2 / soma das baterias

1. Leonardo Souza / 45 pontos
2. Frederico Spagnol / 44 pontos
3. Leonardo Cassarotti / 35 pontos
4. Reginaldo Ribeiro / 34 pontos
5. Fábio Santos / 30 pontos

Promocional Elite MX

1. Jetro Salazar
2. Hector Assunção
3. Paulo Alberto / Yamaha
4. Carlos Campano / Yamaha
5. Humberto Martin

Classificação final do campeonato

MX1

1. Jetro Salazar / 263 pontos
2. Carlos Campano / 255 pontos
3. Paulo Alberto / 252 pontos
4. Hector Assunção / 231 pontos
5. Jean Ramos / 150 pontos

MX2

1. Fabio Santos / 272 pontos
2. Frederico Spagnol / 259 pontos
3. Leonardo Souza / 238 pontos
4. Reginaldo Ribeiro / 183 pontos
5. Lucas Dunka / 159 pontos

Promocional Elite MX

1. Jetro Salazar / 132 pontos
2. Paulo Alberto / 125 pontos
3. Carlos Campano / 122 pontos
4. Hector Assunção / 108 pontos
5. Fabio Santos / 76 pontos

Continue arrastando para cima ☝☝☝ para conferir todos os patrocinadores do site Show Radical 👇⚡!

– Clicando no anuncio das empresas você é direcionado ao site da marca!